Renault aposta firme nos monopostos (elétricos) de corrida

A Renault mostrou mesmo que não estava de brinquedo quando disse que investiria em poderosos carros de corrida monolugares totalmente elétricos. E o tal carro veloz da companhia francesa sem um pingo de combustão estreou juntamente com a CES 2014, diante de uma multidão gigantesca de fãs de tecnologia.


O carro recebeu o nome de SRT_01E Spark-Renault, é 100% elétrico e foi apresentado por Patrice Ratti, da Renault Sport Technologies. "Todos nós da Renault estamos muito orgulhosos de mostrar o carro de corrida elétrico Spark-Renault 100% em condições de pilotagem para uma multidão muito tech-savvy , em Las Vegas. O trabalho que tem sido feito por todos os parceiros técnicos ao longo dos últimos meses tem sido fantástico e o carro faz jus aos padrões de alta competição da Renault. Estamos muito felizes com os resultados até agora e os nossos engenheiros vão continuar trabalhando com Spark, Dallara, McLaren, Williams e Michelin para melhorar ainda mais o SRT_01E Spark-Renault para que todas as equipes possam competir com um carro de corrida 100% elétrico incrível quando o campeonato começar.", ressaltou Ratti.

O modelo tem o visual de um F1, mas sem o motorzão explosivo, logicamente. Quem teve o privilégio de pilotar nessa apresentação foi ninguém, ninguém mais, ninguém menos do que o brasileiro Lucas di Grassi, atualmente piloto de testes da Pirelli.

O SRT_01E Spark-Renault é um veículo Formula E, que ainda é um projeto da FIA onde terão apenas carros elétricos monopostos competindo. E o modelo apresentado pela montadora francesa em Las Vegas num volta pública consegue atingir até 240 km/h.

A questão a ser levantada é como será aceito no meio automobilístico. Logo após a
sua volta no Las Vegas Strip, se viu nítida aceitação e vislumbramento por boa parte do público. Porém, é bom lembrarmos que ali havia uma multidão formada, em sua maior parte, por entusiastas da alta tecnologia. Perto de um F1, o SRT_01E Spark-Renault é realmente fraco, sendo que a tecnologia elétrica se desenvolve e fica mais potente a cada ano.

Por enquanto uma coisa é certa: a Renault pretende mesmo ir fundo no desenvolvimento dos carros elétricos.
Share on Google Plus

Equipe

Redação automotiva para os adoradores de carros!